terça-feira, 29 de julho de 2008

Entrega...

Silencio absoluto
Meu corpo trêmulo
Cabeça baixa,
Estou a espera...

O medo vem de encontro a minha excitação,
Mas minha confiança Nele é plena

Chegou o momento da entrega!
Prazer em servi-lo, em estar aos Vossos pés
Sob Seu domínio,
Sem reservas
Inteira pelo prazer do meu DONO
Ali estou, submersa e submissa aos desejos Dele

Entregue aos prazeres sádicos, aos desejos cruéis
A inquietude de suas mãos e do meu corpo

Pronta para Servi-lo sem pensar em mim mesma
Essa é minha missão, minha vontade
Minha obrigação
Servi-lo incondicionalmente
Satisfazer as vontades do meu Dono
Pois meu prazer lhe pertenceMe torna realizada, plena
Então me entrego na dor para o meu Senhor
Para o prazer Dele!
Entrego ao DONO o que é dele
Minha submissão, minha dor, meu prazer....
Não jogo, eu sou o que sou:
Escrava do prazer do meu Dono

Desejo de prazer insaciável!



SAUDADE INDESCRITIVEL DE SER DELE!!!

Um comentário:

Curiosa disse...

Belo espaço ...
Até linkei no nosso blog ...
Pena que não tem gadget de seguidores ... Eu seria fã ...

bj